domingo, 7 de outubro de 2007

O Dr. Vital Moreira também podia explicar isto


Clique na imagem para ver melhor

Neste gráfico temos a comparação do que as pessoas com deficiência pagavam de IRS em Portugal em 2006 (a laranja) com o que o governo quer que passem a pagar (a vermelho) e, ainda, com aquilo que irão pagar em Espanha (a verde) e França (a azul) em 2007.

O cálculo foi feito para uma pessoa com deficiência, solteira, sem apresentar qualquer despesa de saúde ou outras.

Em Portugal com uma taxa de incapacidade de 65%
Em Espanha com uma taxa de incapacidade de 65%
Em França com uma pensão (militar, acidente de trabalho) por uma incapacidade de pelo menos 40% ou incapacidade (carte d'invalidité) de pelo menos 80%

Podemos verificar que o sistema que existiu desde 1998, em Portugal, não se afasta muito do que se passa actualmente em Espanha e França.

Quanto à comparação entre o que se passa agora nestes países com a proposta do governo... acho que não é preciso dizer nada.



Fontes:

Portugal 2006 - programa de cálculo disponibilizado pelo Ministério da Finanças

Portugal 2009 - Estimativas existentes no site http://xbarreiros.no.sapo.pt/mtpd-bfiscais/

Espanha 2007 - Calculo de retenciones IRPF - 2007 Copyrigth AEAT 2002-2007

França 2007 - Site da Amnistração Fiscal Francesa - www.impots.gouv.fr

1 comentário:

Anónimo disse...

Deve ser porque os contribuintes espanhóis e franceses são mais honestos...